29 Janeiro

1_ReuniaoInverno


1º reunião de inverno


No dia 29 de Janeiro teve lugar no Hotel IBIS do campus S João, no Porto, a 1ª REUNIÃO DE INVERNO ADL.
Esta mesa redonda foi oferecida pela ADL a todos os seus Associados, Doentes, familiares, amigos e profissionais de saúde.
Felizmente, hoje a Leucemia e o Linfoma são doenças curáveis em elevada percentagem de casos. Por vezes, embora sem ser atingida a cura, a doença passa a uma forma crónica, controlada, que possibilita uma vida normal e feliz.
No entanto, o êxito depende frequentemente da utilização de tratamentos mais ou menos violentos, que arrastam consigo efeitos indesejáveis, nem sempre passíveis de ser evitados.

Um dos problemas que se coloca a algumas pessoas é a disfunção sexual. Ela pode surgir como consequência da própria doença ou como efeito colateral inevitável de atitudes terapêuticas. Mas será mesmo inevitável? Será que, nas opções de tratamento, esta questão está sempre presente?
O tema da Disfunção Sexual foi por nós escolhido para análise e discussão, o que aconteceu no dia 29 de Janeiro, numa Mesa Redonda - SEXUALIDADE E DOENÇA HEMATO-ONCOLÒGICA - no Hotel Ibis do Campus S João.
Estiveram presentes especialistas nos vários ramos da Ciência Médica que partilham a obrigação de orientar e ajudar quem sente esses problemas. Entre eles, o Professor Júlio Machado Vaz, personalidade sobejamente conhecida como Psiquiatra e Sexólogo e o Professor Pedro Vendeira, Urologista e investigador no campo da Disfunção Sexual. Contamos ainda com a Drª Isabel Castro, Hematologista com longa experiência no campo da Hemato-Oncologia, o Dr Eduardo Carqueja, Psicólogo Clínico, a Drª Ana Rosa, Ginecologista , o Enfermeiro Ricardo Rodrigues e os Srs Luis Precioso e Inês Amaral, os quais trouxeram até nós o eco dos verdadeiramente interessados: os doentes.
A moderar a nossa colaboradora e amiga, activa Hematologista e incansável trabalhadora – a Drª Ana Carneiro
Contamos com um publico numeroso e interessado, o que enriqueceu muito a discussão pela participação aberta que se registou.
Salvo as más condições acústicas da sala, tudo o resto decorreu de forma positiva, e sentimo-nos estimulados a continuar com o nosso lema: “formar e informar”.